Saiba como a periodontite afeta a pressão arterial

periodontite e pressão alta

A saúde bucal é crucial para uma melhor qualidade de vida, mas algo que muitas vezes pode passar despercebido, ou mesmo não ser sabido, é que esse cuidado está relacionado a outras áreas do organismo. Com isso, as doenças bucais podem impactar na saúde geral, como o que acontece com a periodontite e pressão alta

O que é a periodontite

Na prática, a periodontite é uma doença considerada um agravamento da gengivite. Ela se caracteriza como uma inflamação/infecção por bactéria que afeta os tecidos de suporte dos dentes, podendo causar a perda da raiz e a perda dental. 

Isso acontece pelo acúmulo de placa bacteriana na região dos dentes e da gengiva, que produzem ácidos nesta região. 

Portanto, é extremamente importante adequar os cuidados com a higiene bucal, tendo mais atenção ao processo.

Outras causas da periodontite são:

  • Acúmulo de tártaro;
  • Cáries;
  • Baixa produção de saliva;
  • Tabagismo;
  • Uso de medicamentos fortes.

Inclusive, para se ter uma ideia, dados da Universidade de São Paulo (USP) revelam que 99% dos brasileiros possuem ou já possuíram problemas periodontais, entre a gengivite e a periodontite, podendo interferir em toda a saúde.

Assim, como mencionado, a melhor forma para se prevenir dessa doença é realizando os hábitos de higienização bucal rigorosamente.

Ou seja, é preciso que se escove os dentes três vezes ao dia, ao final de cada refeição, tendo maior atenção à escovação noturna.

Além disso, indica-se que ao menos 20 ml do enxaguante bucal seja usado para bochechar durante 30 segundos após a escovação, combatendo as bactérias presentes na cavidade oral. 

Do mesmo modo deve-se passar o fio dental todos os dias, em ao menos uma das escovações.

Além disso, todos devem ir ao dentista, seja ele de convenio odontologico ou particular, a cada seis meses para avaliação bucal e para que o profissional limpe o tártaro dos dentes e aplique flúor na estrutura, tornando-a mais resistente e prevenindo a inflamação.

Periodontite e pressão alta

Estudos da área da saúde confirmam que pessoas com periodontite têm maior risco de desenvolver pressão alta

Um estudo feito por um jornal da Sociedade Europeia de Cardiologia chamado Cardiovascular Research apontou que a doença periodontal moderada está associada a 22% dos casos de hipertensão. 

Já a doença periodontal grave se associa a 49% dos casos de hipertensão. Ou seja, a pessoa com periodontite aponta para um maior risco de desenvolver problemas relacionados à hipertensão.

Para realização do estudo, os especialistas explicam que a pressão arterial média das pessoas que participaram do teste foi maior com quem tem periodontite do que com quem não tem. 

Mais ainda, percebeu-se que houve uma elevação da pressão arterial sistólica em 4,5 mmHg e pressão arterial diastólica em 2 mmHg. 

Tal fator demanda ainda mais cuidado, visto que o aumento de pressão arterial em 5 mmHG está ligado a 25% maior risco de ataque cardíaco ou AVC.

Os especialistas afirmam ainda que há sim uma associação entre a saúde bucal e a pressão arterial. 

Uma das evidências seria voltada aos tratamentos da periodontite, que é a terapia periodontal, que reduz a pressão arterial. Além disso, situações de estresse durante os tratamentos podem impactar na pressão e demais aspectos da saúde.

Assim, parte desse estudo também mostra que o inverso também acontece, ou seja, a hipertensão também pode causar problemas periodontais

No entanto, novas pesquisas sobre o assunto ainda estão em processo para trazer conclusões mais completas e luz sobre o assunto.

Com isso, é importante destacar o alerta para que as pessoas que se identificam com esse problema se proponham a procurar um dentista de plano odonto empresarial ou particular para fazer um diagnóstico e realizar o tratamento adequado da saúde bucal, bem como o acompanhamento da própria pressão para prevenir agravamentos.

Cabe ressaltar que todos precisam desse cuidado, mas ao já haver histórico ou mesmo com o avançar da idade, a atenção deve ser ainda mais voltada para a relação das doenças bucais e seu impacto no organismo.

Assim, é preciso procurar um local que faça o acompanhamento correto e possa realizar tratamentos multiprofissionais.

Para quem é microempreendedor, por exemplo, podem recorrer a contratação de planos compatíveis para essa modalidade de trabalho – que pode ser mais estressante e impacta na saúde geral – tendo preços mais acessíveis, para cuidar de problemas periodontais e da pressão, mantendo a saúde em dia. 

Assim, com um plano dental para MEI, é possível cuidar dos dentes e se prevenir de doenças assim como os colaboradores de empresas que possuem o benefício.

Tratamentos

O mais indicado é que a higienização seja realizada de forma mais intensa ao identificar problemas como a gengivite, evitando a complicação do quadro.

Isso porque a periodontite não tem cura, mas tem como tratar. A partir do diagnóstico, o dentista fará o tratamento em três fases: a raspagem, cirurgia (se for necessário) e a terapia periodontal de suporte.

O primeiro ato, da raspagem, remove os tártaros e realiza a descontaminação da superfície, retirando as más toxinas do periodonto. 

Nos casos mais graves, em que o tártaro é mais profundo, o mais indicado é realizar a cirurgia. A terapia periodontal de suporte e o controle da placa bacteriana após o procedimento podem ser necessários, manutencionando o tratamento.

Por isso, é muito importante a ida ao dentista, de plano odontologico ou particular, a cada seis meses para que haja o acompanhamento da saúde bucal, permitindo que situações sejam controladas.

Já o tratamento para quem tem problemas de pressão alta acontece com o controle do peso corporal, alimentação balanceada e práticas de atividade física (como caminhadas e corridas cinco vezes na semana).

Para um melhor controle do problema também deve-se evitar o consumo de bebidas alcoólicas e o nível de sal dos alimentos deve ser reduzido.

Assim, as inflamações bucais poderão ser controladas e evitadas, bem como a hipertensão será acompanhada de forma mais adequada, demandando atenção e acompanhamento profissional de forma integral, para que as medidas de tratamento/prevenção possam ser conciliadas.

Aqui você encontra artigos sobre hipertensão, além de indicações dos melhores produtos para melhorar a sua qualidade de vida e também dicas para prevenção desta e outras patologias relacionadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *